Whats: (11) 9 9191 6085

VÍDEO: POR QUE NOS PARECE QUE NADA DA CERTO

Você está em: Página inicial / Chico Xavier / Ação Vida e Luz
Ação Vida e Luz

Livro: Ação Vida e Luz

Autor - Fonte: FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER

Ir para a página:

...AUTORES DIVERSOS 2 ÍNDICE PARA VENCER TEMPESTADES DA VIDA . 3 NECESSIDADE DE AÇÃO . 5 DEUS TE FAÇA FELIZ . 9 MESTRE E SENHOR . 10 CANTIGAS DO TEMPO . 13 FAMÍLIA. 14 EM FAMÍLIA . 17 A DECADÊNCIA INTELECTUAL DOS TEMPOS MODERNOS . 19 IDE E VENCEI . 23 NOTÍCIAS DA MORTE . 24 RECRISTIANIZAÇÃO DOS HOMENS . 25 FALANDO A KARDEC . 27 A POSSE DA FELICIDADE . 28 CARNAVAL . 30 A ÚNICA RIQUEZA . 33 A PROMESSA . 37 A COMUNIDADE HUMANA . 40 ATRAVÉS DOS SÉCULOS . 45 A CiÊNCIA DA TERRA . 46 PEREGRINAÇÃO NA TERRA . 49 3 PARA VENCER TEMPESTADES DA VIDA Emmanuel Se procuras ensejo para realizar-te, em matéria de paz e felicidade, age e serve sempre. No trabalho não somente surpreenderás o caminho do aprimoramento próprio, mas igualmente a ginástica do espírito conferindo-te sustentação e segurança. * Lembra as águas estagnadas, o arado ocioso sob a ferrugem, a terra de qualidade quando entregue ao mato inculto e os móveis abandonados que a poeira consome. * Mantém-te na melhor forma de auxiliar e socorrer, elevar e construir. * No mundo, o inesperado vigia sempre. * Indispensável afiar os instrumentos da emoção para fazer os imprevistos que apareçam quando as ocorrências sejam de molde a espaçar-te a sensibilidade. * O trabalho é a única força capaz de adestrar-nos para vencer nos encargos que a vida nos imponha. * Sem atividade que as dignifique, a própria riqueza amoedada assemelha-se à múmia emparedada no cofre, ta...
to quanto a cultura que não ampara os outros é uma luz escondida sem proveito para ninguém. * Não te iludas. 4 Por muito serenas se mostrem as águas em que navegamos, a tempestade virá, um dia, testar-nos a resistência e a coragem, a criatividade e a compreensão. * Necessário exercitar as próprias energias, aprender algo mais, aperfeiçoar o que se sabe e caminhar adiante. * Seja qual for a estrada em que te encontres não marginalizes. Age e serve. * Se dificuldades maiores te alvejam o espírito, não te detenhas porque as circunstancias te hajam colocado num labirinto de problemas dos quais ainda não conheces a estrutura. * Prossegue trabalhando e a mais difícil de todas as soluções te surgirá. 5 NECESSIDADE DE AÇÃO Emmanuel Os casos particulares não me permitem ser demasiado extenso, mas não me furto ao desejo de vos dizer duas palavras, corroborando a explanação elucidativa junto das preces da noite. * Espiritismo, filhos, é luz, e é necessário que cada um daqueles que o abraçam procure brilhar, testemunhando a sua claridade. * As nossas mensagens, a possibilidade de comunicação entre os dois mundos, são permitidas por Deus, a fim de que o homem vislumbre as realidades espirituais, aplicando-as à sua passageira vida na Terra. * É necessário cessar a época do verbalismo vazio. Há muitos séculos a humanidade tem vivido uma época de pura predicação sem exemplos. O que temos visto em todos os tempos? Tribunas, púlpitos, livros, prolixidade de pedagogia gratuita, dentro de uma multiplicidade assombrosa de demagogos e de arautos * Chegaram os tempos da iniciativa própria, do esforço pessoal em favor da iluminação consciencial do individuo,perdido no oceano da coletividade. * Cada homem deve e pode possuir qualidade auto-didata. Os espíritas necessitam compreender essa necessidade de ação no campo individual. 6 * Ação essa que se irradiará naturalmente para o mundo largo das sociedades. * Sem o esforço nada se terá feito. * As obras de caridade material têm sido edificadas pela Igreja Católica. * Seus hospitais, seus orfanatos, suas freiras, seus conventos, onde se efetuam sopas a pobres e recolhimento dos desvalidos, estão por toda parte. * O que os espíritas não estão percebendo é que a eles compete organizar sua consciência verdadeiramente cristã nessa civilização da fome e da febre do ouro. * É preciso que se arregimentem os exemplos de predicações pelos atos, trabalhando e enfrentando corajosamente as penúrias da vida, sem estagnação, sem fanatismo, sem recuos para épocas primitivas do pensamento. * É doloroso que sejamos mentalidades que deveriam estar afinadas em obras evangélicas, perdidas no lábaro ingrato de doutrinações inoportunas e desnecessárias. * 7 Os espíritas precisam saber que obras materiais não faltam no mundo, os grandes colossos de pedra assombram as iniciativas dos mais ousados. * Eles ficaram, de fa...
lpitos, livros, prolixidade de pedagogia gratuita, dentro de uma multiplicidade assombrosa de demagogos e de arautos * Chegaram os tempos da iniciativa própria, do esforço pessoal em favor da iluminação consciencial do individuo,perdido no oceano da coletividade. * Cada homem deve e pode possuir qualidade auto-didata. Os espíritas necessitam compreender essa necessidade de ação no campo individual. 6 * Ação essa que se irradiará naturalmente para o mundo largo das sociedades. * Sem o esforço nada se terá feito. * As obras de caridade material têm sido edificadas pela Igreja Católica. * Seus hospitais, seus orfanatos, suas freiras, seus conventos, onde se efetuam sopas a pobres e recolhimento dos desvalidos, estão por toda parte. * O que os espíritas não estão percebendo é que a eles compete organizar sua consciência verdadeiramente cristã nessa civilização da fome e da febre do ouro. * É preciso que se arregimentem os exemplos de predicações pelos atos, trabalhando e enfrentando corajosamente as penúrias da vida, sem estagnação, sem fanatismo, sem recuos para épocas primitivas do pensamento. * É doloroso que sejamos mentalidades que deveriam estar afinadas em obras evangélicas, perdidas no lábaro ingrato de doutrinações inoportunas e desnecessárias. * 7 Os espíritas precisam saber que obras materiais não faltam no mundo, os grandes colossos de pedra assombram as iniciativas dos mais ousados. * Eles ficaram, de fato, com o apostolado da pobreza da Humilde de Assis na restauração do cristianismo, mas compete-lhes fornecer com os seus exemplos na ação, na tolerância, no trabalho, no esforço, na piedade e na resignação, uma alma a esses gigantes de alvenaria. * Faz-se necessário dar calor às cátedras imensas e frias. E esse calor só poderá nascer da fé realizadora e ativa, que trabalha e opera, longe de qualquer cristalização teórica. * O tempo da palavra vazia passou. * O tempo atual é dos atos. * Aliemos os nossos esforços e trabalhemos. Precedamos qualquer ensinamento com um exemplo de ordem pessoal. * O mundo está intoxicado pela generalização da cultura sem base, sem bússola, sem norte espiritual. * Aprendamos e pratiquemos, trabalhando, laborando com o nosso desprendimento, sem nos fanatizarmos, dentro das atividades que nos cabe desenvolver e dentro da tarefa que nos cabe desempenhar. 8 * Se emprego o "nós", nestes meus apelos é que também aqui não descansamos. Não estamos inativos. A luta é condição primordial de qualquer conquista. Aprendamos com Jesus e coloquemos ao seu serviço toda a nossa boa vontade. 9 DEUS TE FAÇA FELIZ Maria Dolores Agradeço, alma irmã, todo o concurso Com que me reconfortas e garantes, Fazendo-me canal mesmo singelo De assistência e de alivio aos semelhantes!. O prato generoso que me deste Não foi somente auxilio à penúria pungente, Fez-se clarão iluminando anseios, Felicidade para mu...
to, com o apostolado da pobreza da Humilde de Assis na restauração do cristianismo, mas compete-lhes fornecer com os seus exemplos na ação, na tolerância, no trabalho, no esforço, na piedade e na resignação, uma alma a esses gigantes de alvenaria. * Faz-se necessário dar calor às cátedras imensas e frias. E esse calor só poderá nascer da fé realizadora e ativa, que trabalha e opera, longe de qualquer cristalização teórica. * O tempo da palavra vazia passou. * O tempo atual é dos atos. * Aliemos os nossos esforços e trabalhemos. Precedamos qualquer ensinamento com um exemplo de ordem pessoal. * O mundo está intoxicado pela generalização da cultura sem base, sem bússola, sem norte espiritual. * Aprendamos e pratiquemos, trabalhando, laborando com o nosso desprendimento, sem nos fanatizarmos, dentro das atividades que nos cabe desenvolver e dentro da tarefa que nos cabe desempenhar. 8 * Se emprego o "nós", nestes meus apelos é que também aqui não descansamos. Não estamos inativos. A luta é condição primordial de qualquer conquista. Aprendamos com Jesus e coloquemos ao seu serviço toda a nossa boa vontade. 9 DEUS TE FAÇA FELIZ Maria Dolores Agradeço, alma irmã, todo o concurso Com que me reconfortas e garantes, Fazendo-me canal mesmo singelo De assistência e de alivio aos semelhantes!. O prato generoso que me deste Não foi somente auxilio à penúria pungente, Fez-se clarão iluminando anseios, Felicidade para mu...

Ir para a página:

WhatsApp: (11) 9 9191 6085
Busca Google