Whats: (11) 9 9191 6085

VÍDEO: POR QUE NOS PARECE QUE NADA DA CERTO

Você está em: Página inicial / Chico Xavier / Abrigo
Abrigo

Livro: Abrigo

Autor - Fonte: Francisco Cândido Xavier

Ir para a página:

...Caro amigo: Se você gostou deste livro e tem condições de comprá-lo, faça assim estarás ajudando diversas instituições de caridade que é para onde os direitos autorais desta obra são destinados. Que Jesus o abençoe. Muita Paz 2 ABRIGO .3 1 - CRISTO EM NÓS.4 2 - EM VERDADE.5 3 - DIANTE DO CRISTO VIVO.6 4 - NA SEMENTEIRA DA VIDA .7 5 - BEM SOFRER.9 6 - JESUS E ORAÇÃO.11 7 - LUZ E SILÊNCIO .12 8 - NA INTIMIDADE DO MESTRE .14 9 - NO ESTUDO EVANGÉLICO.15 10 - NO CULTO DA GENTILEZA.16 11 - CRUZES.17 12 - A PORTA ESTREITA.19 13 - JESUS E PERDÃO .21 14 - ESFERAS.22 15 - ATRIBULAÇÕES .23 16 - CUMPRIMENTO DA LEI.24 17 - EM NÓS MESMO.25 18 - DESFAZENDO SOMBRAS.26 19 - JESUS E PACIÊNCIA.27 20 - HUMILDE .29 3 ABRIGO Leitor amigo: No mundo físico, debatem-se hoje as criaturas sob múltiplas tempestades. * O armamentismo domina o orçamento das nações. * Conflitos enxameiam no Oriente, enquanto a vida ocidental sofre a expectativa de confrontações bélicas de resultados imprevisíveis. * Lutas de classes, desvinculações contundentes, processos de angústia, moléstias de etiologia obscura, inusitadas explosões de violência, invadem comunidades inteiras, estabelecendo a insegurança e o medo em todas as direções. * Onde os recursos defensivos? Procura-se ansiosamente um refúgio de socorro que alivie mentes e corações. * Eis a razão deste livro simples em que procuramos demonstrar que todos nós, os espíritos e...
carnados e desencarnados em evolução na Terra, temos um abrigo seguro e único em Jesus, com a prática dos ensinamentos que ele deixou em seu testamento de luz inextinguível e de amor imortal. EMMANUEL Uberaba, 15 de maio de 1986. 4 1 - CRISTO EM NÓS Civilizações numerosas passaram sobre a Terra, deixando na retaguarda, com algumas réstias de luz, túmulos imponentes e ruínas fumegantes. Civilizações em que nossos próprios espíritos, usando formas inumeráveis, muitas vezes, desceram a precipícios de violência. * Do cântico selvagem do homem primitivo à sabedoria dos faraós, e, do Egito multimilenário a nós outros, a cultura intelectual, com as indagações filosóficas e com as experimentações científicas, com as interpretações religiosas e com as aventuras bíblicas, exercitou, de mil modos, as nossas faculdades mentais, transformando-nos o instinto em inteligência, a inteligência em razão e a razão em conhecimento superior, dentro do qual porém, a animalidade sempre induziu-nos à conquista da ilusão e da posse efêmera. * Cristo, porém, é a Lei Divina que nos reclama a níveis mais altos, é a soma das qualidades edificantes com que nos compete escalar os cimos da evolução a que nos destinamos. * É por isso, que o Cristianismo redivivo, é luz com que nos cabe inflamar os próprios corações, fonte com que nos compete dessedentar a vida sequiosa de renovação e de paz em derredor de nós mesmos. * Entronizemos o Senhor no templo da própria alma para que o serviço da Boa Nova, começando por nós mesmos, se nos irradie das atitudes e pensamentos, palavras e ações, criando áreas vivas de compreensão e de trabalho edificante, nas quais possamos plasmar o abençoado caminho para a Nova Era. * Nosso problema vital, desse modo, não será a teorização sobre os tempos novos, mas sim o da tradução do Evangelho em nós para que nos renovemos, construindo a Vida Melhor. * Quando instalarmos o Divino Inspirador em nossa própria vida, materializando-lhe os ensinamentos à frente uns dos outros, o Reino de Deus brilhará, em nós, gerando felicidade e enaltecendo a vida. 5 2 - EM VERDADE Em verdade, ergue-se o homem da atualidade à estratosfera e prepara campo de que possa lançar-se à investigação de outros mundos, entretanto, como nunca, experimenta a necessidade de paz e consolação no plano que lhe serve de moradia. * Em verdade, desce ao abismo oceânico e recolhe os vestígios das civilizações mortas, surpreendendo formas estranhas de existência, penetrando linhas obscuras da natureza, no entanto, sente-se incapaz de acesso aos labirintos da própria individualidade, perambulando, entre enigmas e inquietações, quase que à maneira de um mendigo de luz. * Em verdade, relaciona os segredos do microcosmo, com a mesma facilidade com que resolve elementar problema de matemática, no entanto, ainda esbarra à frente dos ínfimos segredos da dor...
mos o Senhor no templo da própria alma para que o serviço da Boa Nova, começando por nós mesmos, se nos irradie das atitudes e pensamentos, palavras e ações, criando áreas vivas de compreensão e de trabalho edificante, nas quais possamos plasmar o abençoado caminho para a Nova Era. * Nosso problema vital, desse modo, não será a teorização sobre os tempos novos, mas sim o da tradução do Evangelho em nós para que nos renovemos, construindo a Vida Melhor. * Quando instalarmos o Divino Inspirador em nossa própria vida, materializando-lhe os ensinamentos à frente uns dos outros, o Reino de Deus brilhará, em nós, gerando felicidade e enaltecendo a vida. 5 2 - EM VERDADE Em verdade, ergue-se o homem da atualidade à estratosfera e prepara campo de que possa lançar-se à investigação de outros mundos, entretanto, como nunca, experimenta a necessidade de paz e consolação no plano que lhe serve de moradia. * Em verdade, desce ao abismo oceânico e recolhe os vestígios das civilizações mortas, surpreendendo formas estranhas de existência, penetrando linhas obscuras da natureza, no entanto, sente-se incapaz de acesso aos labirintos da própria individualidade, perambulando, entre enigmas e inquietações, quase que à maneira de um mendigo de luz. * Em verdade, relaciona os segredos do microcosmo, com a mesma facilidade com que resolve elementar problema de matemática, no entanto, ainda esbarra à frente dos ínfimos segredos da dor e da morte, com a mesma perplexidade das raças que o precederam na corrida dos milênios incessantes. * Em verdade, vence a hanseníase e a tuberculose, determinando novos rumos à medicina que se engrandece ao toque do progresso renovador, todavia, sofre em si mesmo profundas chagas de angústia e desilusão qual se fora pobre desterrado em escuro presídio do Universo. * Eleva-se e rebaixa-se. Cura e envenena-se. É que falta ao coração humano aquela compreensão cristã capaz de ergue-lo às culminâncias em que se lhe destaque a própria inteligência, enceguecida pela vaidade , o verme roedor da terrestre grandeza. * Em tempo algum, como agora, o viajante do mundo sentiu tanta necessidade da bússola espiritual que lhe oriente os destinos. Em meio da abundância de recursos materiais clama por socorro, qual se a existência lhe fora deplorável cativeiro. É por isso que, entre os escombros da guerra e entre as ruínas do incêndio das paixões a que o orgulho lhe conduziu a civilização do presente, volve o ensinamento de Cristo, através de mil modos, concitando-nos ao soerguimento pela humildade salvadora, de vez que somente reconhecendo a nossa condição de usufrutuários do Patrimônio Divino, com iniludíveis obrigações de trabalho e fraternidade, uns à frente dos outros, é que conseguiremos a própria recuperação. A caminho do Homem Regenerado e da Terra Melhor. 6 3 - DIANTE DO CRISTO VIVO Em verdade, aos olhos dos homens, o...
e da morte, com a mesma perplexidade das raças que o precederam na corrida dos milênios incessantes. * Em verdade, vence a hanseníase e a tuberculose, determinando novos rumos à medicina que se engrandece ao toque do progresso renovador, todavia, sofre em si mesmo profundas chagas de angústia e desilusão qual se fora pobre desterrado em escuro presídio do Universo. * Eleva-se e rebaixa-se. Cura e envenena-se. É que falta ao coração humano aquela compreensão cristã capaz de ergue-lo às culminâncias em que se lhe destaque a própria inteligência, enceguecida pela vaidade , o verme roedor da terrestre grandeza. * Em tempo algum, como agora, o viajante do mundo sentiu tanta necessidade da bússola espiritual que lhe oriente os destinos. Em meio da abundância de recursos materiais clama por socorro, qual se a existência lhe fora deplorável cativeiro. É por isso que, entre os escombros da guerra e entre as ruínas do incêndio das paixões a que o orgulho lhe conduziu a civilização do presente, volve o ensinamento de Cristo, através de mil modos, concitando-nos ao soerguimento pela humildade salvadora, de vez que somente reconhecendo a nossa condição de usufrutuários do Patrimônio Divino, com iniludíveis obrigações de trabalho e fraternidade, uns à frente dos outros, é que conseguiremos a própria recuperação. A caminho do Homem Regenerado e da Terra Melhor. 6 3 - DIANTE DO CRISTO VIVO Em verdade, aos olhos dos homens, o...

Ir para a página:

WhatsApp: (11) 9 9191 6085
Busca Google