Whats: (11) 9 9191 6085

VÍDEO: POR QUE NOS PARECE QUE NADA DA CERTO

Você está em: Página inicial / Espiritismo / Um Dia em Marduk Página 3
Um Dia em Marduk

Livro: Um Dia em Marduk Página 3

Autor - Fonte: Pedro Ernesto Stilpen E Lázaro Sanches de Oliveira

Ir para a página:
...mandou perguntar? OK, vamos tentar desatar. Hum. Não têm moléculas. Corpo sutil. Céus! Pula esta. Pergunta 6- Dois seres podem gerar um filho em Marduk? Voz masculina- NÃO. É DIFÍCIL. Conclusão- Esta pergunta foi gerada por uma constatação simples. Pelas transfotos, vemos que eles têm corpos (materiais ou não) bem semelhantes aos nossos, que cuidam ao ponto de se pentear, pintar, vestir com estilo, etc. Ora, nos parece no mínimo estranho que alguém carregasse um órgão sem função, a não ser que estivesse de passagem para uma encarnação na Terra. Portanto, a pergunta procede. No entanto, o nosso pobre julgamento cai por terra com essa negativa. Pergunta 7- Os seres de Marduk precisam de descanso e lazer? Resposta- SIM. Conclusão- Note bem, PRECISAM. Algum resquício da alma humana? Uma descarga do corpo emocional? Pergunta 8- O que aconteceria se parassem de respirar ou de comer? Voz masculina- NINGUÉM MORRE. Conclusão- Quem diz o que quer, ouve o que não quer. A resposta era óbvia, mas nós insistimos. Pergunta 9- Vocês têm necessidades fisiológicas, como urinar, por exemplo? Voz feminina- URINAR. SIM. Conclusão- Afinal, alguns órgãos funcionam. Pergunta 10- Ainda que não resulte em gravidez, vocês têm prazer sexual? Voz masculina- SIM. Conclusão- Os órgãos sexuais têm essa função específica. Isso mostra o quanto estamos atrasados eticamente em 8 relação ao sexo, em especial no que se refere ao acop...
amento áurico entre dois seres. Pergunta 11- Os prazeres terrenos, como a gastronomia, são vistos como fraquezas? Voz masculina- SIM. Conclusão- Parece que a resposta número 10 foi desmentida, mas temos de entender a sutileza do senhor que disse o tal SIM. A motivação egoísta do guloso ou do sexômano se opõe ao que ocorre nos orbes superiores. É difícil aceitar que uma entidade receba com a mesma indiferença um pedaço de maçã ou outro de melancia. Relatos psicografados, ao contrário, nos mostram a satisfação de entidades quando provam as “delícias” oferecidas no Astral. O gastrônomo, aqui, pode ter sido visto como o sovina que não admite que se aproximem do seu prato, ou que tenha indiferença quanto à fome dos menos favorecidos. Pergunta 12- A população de Marduk só aumenta com a chegada de seres de outros planos? Resposta- NÃO. Conclusão- Outro nó, este mais simples. Estamos em frente ao próprio ato da criação, do nascimento de um espírito. A pergunta sozinha é uma tese para outro livro, mas vamos trocar em miúdos. Muitos livros falam na evolução que resulta nos espíritos, e desses para a condição divina, talvez numa volta ao TODO. Mineral para vegetal, vegetal para animal, estágio como elemental, e espírito humano. Pode ser que, como na Terra, Marduk esteja incluído dentro do mesmo esquema divino (o que não nos surpreende). Assim, teriam espíritos autóctones, quem sabe, prontos para um ciclo reencarnatório. ME TARZAN, YOU JANE Nós temos a tendência a mudar de personalidade de acordo com o nosso interlocutor. O adolescente, por exemplo, se transforma da postura de mendigo diante dos pais para dono 9 do mundo quando no meio dos amigos. O adulto não é diferente! O seu comportamento oscila entre o santo e o demônio, o humilde e o carrasco, dependendo se na sua frente estão a amante ou a esposa, o patrão ou os filhos. Por que isto mudaria nos contatos da TCI? Devemos ter em mente que eles são exatamente como o Papai Noel em “Winter Wonderland”: .he sees you when you’re sleeping, he knows when you’re awake. (ele o vê quando você está dormindo, sabe quando você está acordado.). Portanto, qualquer tentativa de chantagear através do fingimento é inútil e ridícula. Eles vêem por dentro da gente, descobrem as intenções mais ocultas, mas também reconhecem o estágio físico de nossa curta existência como importante e transitório. Por outro lado, esta condição sobrehumana lhes dá uma vantagem óbvia em relação a nós. Nem todos eles estão no mesmo nível de evolução, tampouco provém do mesmo lugar. Enfim, as regras de relacionamento com os donos das vozes variam tanto quanto qualquer contato entre duas pessoas. Empastelar as personalidades como se fossem uma só retarda a compreensão entre os planos e causa surpresas, quando não decepções. Você vai encarar todos os tipos de reações, opiniões. razão pela...
carnatório. ME TARZAN, YOU JANE Nós temos a tendência a mudar de personalidade de acordo com o nosso interlocutor. O adolescente, por exemplo, se transforma da postura de mendigo diante dos pais para dono 9 do mundo quando no meio dos amigos. O adulto não é diferente! O seu comportamento oscila entre o santo e o demônio, o humilde e o carrasco, dependendo se na sua frente estão a amante ou a esposa, o patrão ou os filhos. Por que isto mudaria nos contatos da TCI? Devemos ter em mente que eles são exatamente como o Papai Noel em “Winter Wonderland”: .he sees you when you’re sleeping, he knows when you’re awake. (ele o vê quando você está dormindo, sabe quando você está acordado.). Portanto, qualquer tentativa de chantagear através do fingimento é inútil e ridícula. Eles vêem por dentro da gente, descobrem as intenções mais ocultas, mas também reconhecem o estágio físico de nossa curta existência como importante e transitório. Por outro lado, esta condição sobrehumana lhes dá uma vantagem óbvia em relação a nós. Nem todos eles estão no mesmo nível de evolução, tampouco provém do mesmo lugar. Enfim, as regras de relacionamento com os donos das vozes variam tanto quanto qualquer contato entre duas pessoas. Empastelar as personalidades como se fossem uma só retarda a compreensão entre os planos e causa surpresas, quando não decepções. Você vai encarar todos os tipos de reações, opiniões. razão pela qual algumas respostas possam parecer contraditórias. Este livro difere da Codificação de Kardec (entre mil motivos) basicamente porque falamos com quem quiser entrar na linha. Ao eliminarmos os nossos conceitos a favor das vozes, oferecemos ao leitor o paládio de onde ainda será extraído o ouro. Tomara! Pergunta 1- De quem nasceu a idéia de se comunicar com a Terra? Voz feminina- PAI NOSSO! Conclusão- Não consideramos respondida a pergunta, pois o que esperávamos seria o nome do técnico responsável pela TCI e suas motivações. Modéstia ou resposta ao pé da letra? 10 Pergunta 2- Vocês sabem o exato momento em que vamos começar a transcomunicação? Voz feminina- SIM; Voz masculina- SABEMOS. Conclusão- Isso satisfez à lógica. Pois se eles têm acesso ao nosso futuro, fica fácil saber onde e quando se dará a TCI, simplificando o sincronismo. O que se esconde por trás da resposta é a tal inexorabilidade do destino. Pergunta 3- Vocês enviam mensagens sem um comunicante do outro lado? Resposta- NÃO. Conclusão- Eles não teriam o menor problema com o IBOPE. Não tem ouvinte, nada de transmissão. Nada de estações de rádio ao léu. É claro, agora que já recebemos a resposta. Pergunta 4- Por que vocês não interferem em gravações nos estúdios fonográficos ou na TV? Voz masculina- NÓS PODEMOS. Conclusão- .mas não se interessam. Não estão à cata de aficionados, nem de obter impactos na mídia. Pergunta 5- Um es...
qual algumas respostas possam parecer contraditórias. Este livro difere da Codificação de Kardec (entre mil motivos) basicamente porque falamos com quem quiser entrar na linha. Ao eliminarmos os nossos conceitos a favor das vozes, oferecemos ao leitor o paládio de onde ainda será extraído o ouro. Tomara! Pergunta 1- De quem nasceu a idéia de se comunicar com a Terra? Voz feminina- PAI NOSSO! Conclusão- Não consideramos respondida a pergunta, pois o que esperávamos seria o nome do técnico responsável pela TCI e suas motivações. Modéstia ou resposta ao pé da letra? 10 Pergunta 2- Vocês sabem o exato momento em que vamos começar a transcomunicação? Voz feminina- SIM; Voz masculina- SABEMOS. Conclusão- Isso satisfez à lógica. Pois se eles têm acesso ao nosso futuro, fica fácil saber onde e quando se dará a TCI, simplificando o sincronismo. O que se esconde por trás da resposta é a tal inexorabilidade do destino. Pergunta 3- Vocês enviam mensagens sem um comunicante do outro lado? Resposta- NÃO. Conclusão- Eles não teriam o menor problema com o IBOPE. Não tem ouvinte, nada de transmissão. Nada de estações de rádio ao léu. É claro, agora que já recebemos a resposta. Pergunta 4- Por que vocês não interferem em gravações nos estúdios fonográficos ou na TV? Voz masculina- NÓS PODEMOS. Conclusão- .mas não se interessam. Não estão à cata de aficionados, nem de obter impactos na mídia. Pergunta 5- Um es...

Ir para a página:

WhatsApp: (11) 9 9191 6085
Busca Google