Whats: (11) 9 9191 6085

VÍDEO: POR QUE NOS PARECE QUE NADA DA CERTO

Você está em: Página inicial / Matérias: / Filosofia / Illuminati
Illuminati

Matéria: Illuminati

Autor - Fonte: Não informado

, do plural do latim Illuminatus (aquele que é iluminado), é o nome dado a diversos grupos, alguns históricos outros modernos, poucos verdadeiros e muitos fictícios. Mais comumente, contudo, o termo Illuminati tem sido empregado especificamente para referir-se aos Illuminati da Baviera. Usos alegados e fictícios do termo referem-se a uma organização conspiracional que controlaria os assuntos mundiais secretamente, normalmente como versão moderna ou como continuação dos Illuminati bávaros. O nome Illuminati é algumas vezes empregado como sinônimo de Nova Ordem Mundial. Origens do nome - Dado que Illuminati significa literalmente “iluminados” em latim, é natural que diversos grupos históricos, não relacionados entre si, se tenham autodenominado de Illuminati. Frequentemente, faziam isso alegando possuir textos gnósticos ou outras informações arcanas (secretas) não disponíveis ao grande público. A designação Illuminati esteve em uso também desde o século XIV pelos Brethren of the Free Spirit (Irmãos do Espírito Livre), ...

e no século XV o título foi assumido por outros entusiastas que argumentavam que a luz da iluminação provinha, não de uma fonte autorizada mas secreta, mas de dentro, como resultado de um estado alterado de consciência, ou “iluminismo”, ou seja, esclarecimento espiritual e psíquico.


Os Illuminati são amantes da ciência e querem provar que a ciência pode perfeitamente conviver com a religião, e tudo da rel gião pode ser explicado pela ciência e até mesmo criado por ela. Em 1920 Winston Churchill publicou uma declaração condenando os Illuminati e prevenindo os ingleses sobre uma conspiração de âmbito mundial contra a moralidade, publicado em 8 de fevereiro de 1920 no London Herald. Woodrow Wilson fez 3 pronunciamentos no rádio em 1921 chamando a atenção para o controle crescente dos Illuminati sobre o sistema bancário norte-americano, onde dizia que "Existe um poder tão organizado, tão sutil, tão completo, tão penetrante que ninguém deve falar em voz alta quando fizer críticas a ele." Cecil Rhodes era um financista inglês, e a BBC de Londres em 16 de novembro de 1984 disse que ele dava bolsas de estudos para arregimentar os jovens das mentes mais brilhantes para os Illuminati. Bill Clinton foi um beneficiado por essas bolsas.

A BBC de Londres em 5 de março de 1998 divulgou a notícia que o presidente da Câmara dos Comuns da Inglaterra, Chris Mullin, determinou que todos os membros do parlamento que fossem maçons declarassem abertamente sua filiação, o decreto também incluía policiais e juízes. Ele tinha "preocupações que facções secretas dentro da maçonaria exercessem controle significativo sobre o sistema político e financeiro. Há relatos que associam os Illuminati a Galileu , aos Guerenets, na França, aos Alumbrados, na Espanha, até a Karl Marx e à Revolução Russa. Os Illuminati foram perseguidos pela Igreja Católica na Idade Média, eram mortos e os corpos eram esquartejados. São templários também, e dizem que estão se reorganizando para destruir a Igreja Católica em sinal de vingança pelos fraternos e instituir de fato a nova ordem mundial. Dizem que estão infiltrados em muitas organizações secretas pois assim teriam liberdade e não levantariam suspeita.

Sociedade secreta também referida no Livro do autor Dan Brown "Anjos e Demônios"

Os Alumbrados na Espanha

Os alumbrados da Espanha pertencem ao último grupo mencionado. O historiador Marcelino Menéndez Pelayo encontrou registro do nome já em 1492 (na forma iluminados, no ano de 1498), mas ligou-os a uma origem gnóstica, e julgou que seus ensinamentos eram promovidos na Espanha por influências vindas da Itália. Um de seus mais antigos líderes, nascido em Salamanca, foi a filha de um trabalhador conhecida como a “Beata de Piedrahita”, que chamou a atenção da Inquisição em 1511, por afirmar que mantinha diálogos com Jesus Cristo e a Virgem Maria. Foi salva de uma investigação rigorosa por padrinhos poderosos (fato citado pelo mencionado historiador espanhol em seu livro “Los Heterodoxos Españoles", 1881, Vol. V).

Inácio de Loyola, o fundador da Companhia de Jesus, ordem religiosa da Igreja Católica cujos membros são conhecidos como jesuítas, na época em que estudava em Salamanca em 1527, foi trazido perante uma comissão eclesiástica acusado de simpatia com os alumbrados, mas escapou apenas com uma advertência. Outros não tiveram tanta sorte. Em 1529, uma congregação de ingênuos simpatizantes em Toledo foi submetida a chicoteamento e prisão. Maior rigor foi a conseqüência e por cerca de um século muitos alumbrados foram vítimas da Inquisição, especialmente em Córdoba.

Os Illuminati da Baviera

Um movimento de curta duração de republicanos livre-pensadores, o ramo mais radical do Iluminismo – a cujos seguidores foi atribuído o nome de Illuminati (mas que a si mesmos chamava...

Ir para a página:


WhatsApp: (11) 9 9191 6085
Política de Privacidade
Política de Cookie
Busca Google