Whats: (11) 9 9191 6085

VÍDEO: POR QUE NOS PARECE QUE NADA DA CERTO

Você está em: Página inicial / Matérias: / Mestre Osho / Mude Seu Foco Para os Intervalos
 Intervalo

Matéria: Mude Seu Foco Para os Intervalos

Autor - Fonte: Osho


Buddha costumava dizer que quando um pensamento surgir, perceba que um pensamento está surgindo. Apenas dentro, perceba-o : agora um pensamento está surgindo, agora um pensamento surgiu, agora um pensamento está desaparecendo. Apenas lembre que agora o pensamento está surgindo, agora o pensamento surgiu, agora o pensamento está desaparecendo, para que você não fique identificado com eles.

Isso é muito bonito e bem simples. Um desejo surge. Você está caminhando pela rua; um belo carro passa. Você olha pra ele – e você nem mesmo olhou e o desejo de possuí-lo aparece. Faça isso. No princípio apenas verbalize ; apenas diga lentamente, “Eu vi um carro. É belo. Agora surgiu um desejo de possuí-lo“. Basta verbalizar.

No princípio isso é bom ; se você puder dizer isso em voz alta, isso é muito bom. Fale em voz alta, ‘Estou apenas percebendo que um carro passou, a mente disse que ele era muito belo, e agora o desejo surgiu e preciso possuir esse carro’. Verbalize tudo, fale alto para si mesmo e imediatamente você irá sentir que você é diferente disso. Perceba-o.

Quando você se tornar eficiente em perceber, não há nenhuma necessidade de falar em voz alta. Apenas dentro, perceba que surgiu um desejo. Uma linda mulher passa; o desejo veio junto. Apenas perceba-o – como se você não estivesse preocupado, você está só percebendo o fato que está acontecendo – e assim, de repente você estará fora dele.

Buddha diz, “Perceba o qu quer que aconteça. Apenas continue percebendo, e quando isso desaparecer, novamente perceba agora que o desejo desapareceu, e você irá sentir uma distância do desejo, do pensamento.

E se você puder considerar que um desejo surgiu e um desejo se foi e você ficou no intervalo e o desejo não lhe perturbou… ele veio, ele foi. Ele estava aí, e agora não está mais, e você permaneceu imperturbável, você permaneceu como você era antes. Não houve nenhuma mudança em você. Isso chegou e passou como uma sombra. Isso não lhe tocou, você permaneceu tranqüilo.

Considere esse movimento do desejo e do pensamento, mas nenhum movimento em você. Considere e dissolva-se na beleza. E esse intervalo é belo. Dissolva-se nesse intervalo. Caia no intervalo e seja o intervalo. Essa é a experiência mais profunda da beleza. E não só da beleza, mas do bem e da verdade também. No intervalo você é.

Osho: Excerpted from The Book of Secrets


WhatsApp: (11) 9 9191 6085
Política de Privacidade
Política de Cookie
Busca Google