Whats: (11) 991916085
Login
Cadastre-se
E-mail
Senha
Esqueci minha senha
Você está em: Página inicial / Matérias: / De Autoajuda / Psicanálise e Reencarnação
Psicanálise e Reencarnação

Matéria: Psicanálise e Reencarnação

Autor - Fonte: Flávio Bastos
Indique esta página para um amigo

Na abertura deste terceiro milênio as ciências, de um modo geral, avançam abrindo caminhos nas suas respectivas áreas de conhecimento. A psicanálise, através da regressão a vidas passadas, segue o seu rumo na investigação do inconsciente humano além da vida intra-uterina. O uso desta técnica vêm, nos últimos anos, tornando-se um importante instrumento terapêutico para a cura das psicopatologias não estuturais. No entanto, a psicanálise de orientação reencarnacionista, reconhece a importância que significam na vida de uma pessoa, as experiências da infância e a educação transmitida pelos seus responsáveis diretos como fatores que poderão alterar ou não o padrão comportamental que trazemos conosco de outras vidas.

O psiquiatra Brian Weiss, em seu livro "A cura através da Terapia de Vidas Passadas", aborda este tema de uma forma lúcida e objetiva: "Quando o sofrimento na infância não foi resolvido e emerge no adulto, pode produzir uma infinidade de sintomas, incluindo culpa, vergonha, depressão, baixa auto-estima e comportamentos auto-destrutivos. Comportamentos infantis como pirraça, acessos de raiva e excessiva carência afetiva são engatilhados pela criança interior. Se esse mecanismo não é trazido à consciência, o comportamento desajustado que o paciente sofreu na infância pode se voltar contra ele mesmo ou outras pessoas. Os filhos do próprio paciente são especialmente vulneráveis. Descobre-se com frequência que um pai que malt
ata suas crianças foi ele próprio vítima de maus tratos na infância".

O inconsciente é uma maneira de descrever o modo como a mente filtra o pensamento. Questões problemáticas ou não resolvidas do passado ficam armazenadas no inconsciente e são frequentemente revisitadas. Sem perceber ficamos repetindo o passado na tentativa de corrigi-lo. Por isso é importante conhecer o inconsciente. Sem esta percepção "estaremos sempre ouvindo, mas nunca entendendo" porque algumas coisas muito importantes que precisamos compreender estão ocultas no porão da nossa mente.

A psicanálise de orientação reencarnacionista, portanto, considera a importância da educação na relação pais (ou substitutos) e filhos e reconhece esta relação como sendo imprescindível na compreensão da existência das leis cármicas no sentido das motivações que levam à formação de um grupo familiar de espíritos reencarnados.

É através da análise do problemático conteúdo infantil da vida atual do paciente, onde encontram-se depositadas as suas dores e sofrimentos, que o profissional dirige o foco da sua atenção, trazendo para o presente e para a queixa principal do paciente o material oriundo da técnica investigativa da "associação livre". E, ao considerar como prioridade o encaminhamento de soluções que minimizem o sofrimento desta pessoa, a psicanálise de orientação reencarnacionista busca no seu inconsciente informações que digam respeito, inicialmente à sua vida atual, para depois, na sequência do tratamento, estabelecer relações com o material informativo de vidas passadas. Entendemos que somente desta forma, trazendo o passado para o presente, é que realmente conseguiremos ajudar as pessoas a se conhecerem melhor.

Com relação ao necessário preparo de quem trabalha com a investigação do inconsciente humano visando a cura, a terapeuta Silvana Giudice em seu último artigo no STUM, intitulado "Terapeuta também precisa fazer terapia?", com muita sensibilidade e consciência profissional, descreve a sua maneira de pensar e analisar a situação: "Em primeiro lugar somos todos humanos. Passíveis de erros, acertos, ilusões, raiva, ciúmes... Não somos "onipotentes" por sermos facilitadores para que o outro se reconheça. Talvez a diferença é que o terapeuta está, ou deveria estar, mais "vigilante de si próprio". A terapia só é verdadeira quando passamos verdade para o paciente", conclui.

As fábulas possuem a magia de ...

Ir para a página:

Comentários:
Deixe aqui seu comentário sobre este materia:
Nome:
Comentário:
CAPTCHA Image   Reload Image
Digite as letras abaixo:

WhatsApp: (11) 991916085
Busca Google